quarta-feira, 28 de setembro de 2011

Acaba em grande o Japão na ZDB

Termina esta noite o ciclo de cinema "Japão Mais Fora Deixa o Mundo à Nora", que a ZDB tem estado a apresentar no seu terraço, às quartas-feiras. E para acabar em grande, hoje há uma série de propostas:os míticos Les Rallizes Dénudés, coletivo ligado à vanguarda extrema japonesa e a grupos políticos de esquerda, que durou entre os anos 60 e os 90 (leiam o que o Julian Cope diz sobre eles no seu Japrocksampler), num documentário captado pelo francês Ethan Mousiké. Mas há mais. Há também o filme de um concerto dos Fushitsusha, banda de Keiji Haino, em 1991; há outros filmes de concertos (Kaoru Abe e High Rise), entre outras projeções, as quais, a propósito, vão ter lugar em diferentes salas da ZDB. O início está marcado para as 22h e a entrada custa dois euros. Mais informação aqui.



«When French movie maker Ethan Mousike trekked across the globe to make a documentary about the Rallizes (and at his own expense I hasten to add), Mizutani refused to allow him to film the band close-up, insisting instead that Mousike set up his tripod in the dressing room, thereby allowing the camera lens to focus on less than one-third of the stage. When, after twenty minutes of this suffocatingly boring footage had elapsed, Mizutani contemptuously jumped off stage and kicked the door shut. our heroic French director chose not to remonstrate with the churlish Mizutani, preferring instead to allow the film stock to conclude naturally, thereby allowing Les Rallizes Denudés's errant metaphor its full reign.» (Julian Cope)