sexta-feira, 17 de fevereiro de 2012

100 discos de 1973, n.º 64



SECOS & MOLHADOS
SECOS & MOLHADOS (Brasil)
Edição original: Continental
Produtor(es): Moracy do Val
discogs allmusic wikipedia

Era preciso descaramento. No período mais feroz da ditadura militar, surgia um grupo que desafiava com composições de risco, com letras de risco, com a voz e a postura de risco de Ney Matogrosso. Havia mais alguém a arriscar dizer, ao lado dos tropicalistas, que o Brasil não era só bossa nova. Felizmente para os Secos & Molhados, que se estreavam com este disco, o rasgo estético colhia as maiores simpatias no público e na crítica. Foi sucesso de vendas com um milhão de vendas (até em Portugal) em menos de um ano -- só não vendiam mais do que Roberto Carlos, mas até o "rei" se viu obrigado a aproximar o seu som do novo rock trazido pelos Secos & Molhados. É o quinto lugar da lista dos 100 maiores discos da música brasileira da Rolling Stone Brasil, publicada em 2007.