terça-feira, 8 de janeiro de 2008

Seria interessante...

Por falar em Kerouac, seria de todo interessante que alguém por cá pegasse no imenso trabalho e universo estético do falecido Luiz Pacheco e lhe rendesse a devida e definitiva homenagem, não? Afinal, que outro escritor português mais bem encaixaria na linguagem do rock'n'roll? Nenhum.

(Bom, pensando mais no assunto, talvez seja melhor deixar estar o Luiz Pacheco sossegado. Ainda aparece o Pedro Abrunhosa...)